Os três principais desafios para a transformação dos negócios e como uma nova abordagem de gestão de processos de negócios pode ajudar a resolvê-los 

Written by SAP Signavio Team | 3 min read
Published on: January 15th 2024 - Last modified: January 15th, 2024
3 challenges to business transformation

Não é novidade para ninguém que vivemos em uma época de complexidades e desafios cada vez maiores. Há muita pressão para que as organizações sejam inovadoras, proporcionem Experiência do Cliente (CX) de primeira linha e mantenham vantagens competitivas.

Desafios para as organizações

Há também obstáculos significativos para se alcançar esses objetivos. Os desafios mais comuns incluem falta de apoio claro da gerência para priorizar a otimização de processos na estratégia de negócios e também a ausência de um ambiente de colaboração efetiva para captura e compartilhamento de insights e promoção de mudanças.

Uma nova abordagem está surgindo para as empresas que desejam vencer esses desafios e colher os benefícios da transformação de processos de negócios – o processo de gestão de mudanças que envolve alterações radicais nos processos de negócios e que está alinhado com a estratégia geral. Essa abordagem pode ser o ponto inicial para a transformação do negócio.

Os principais desafios para o sucesso da transformação de processos

O white paper da IDC, patrocinado pela SAP, "Observabilidade dos processos de negócio: uma abordagem colaborativa à capacitação da transformação" (doc #EUR251308223, novembro de 2023), mostra em detalhes como as organizações estão em relação aos recursos de gestão de processos de negócios (BPM) e onde estão os principais desafios para o sucesso.

Neste momento em que a colaboração é fundamental para a maioria dos aspectos de uma empresa eficiente, a pesquisa da IDC revelou que 87,5% dos entrevistados não têm um ambiente de colaboração efetiva para a mudança de processos que dê visibilidade a todos os participantes da organização.

white paper da IDC, patrocinado pela SAP, "Observabilidade dos processos de negócio: uma abordagem colaborativa à capacitação da transformação" (doc #EUR251308223, novembro de 2023)

O aproveitamento da sabedoria coletiva e da capacidade geral de pensar está se tornando lugar comum, como uma forma de criar ideias e otimizar processos. No entanto, o white paper da IDC também mostrou que 88,1% dos entrevistados não tinham um apoio claro da gerência para colocar em prática mudanças ou melhorias de processos de negócios baseadas em insights da análise de processos. Isso é vital para o sucesso, assim como o apoio da gerência para colocar a otimização como elemento principal da estratégia de negócios. Sem o suporte de cima para baixo, qualquer transformação de processos será difícil.

Além disso, 28,1% das organizações entrevistadas afirmaram que não conseguiam entender facilmente os impactos potenciais das mudanças de processos no negócio. Considerando que o objetivo da transformação de processos é a melhoria do negócio, seja com a geração de valor para os clientes, a diminuição dos custos ou a promoção da eficiência operacional, esta é uma descoberta preocupante.

Qual é a chave para lidar com esses desafios?

De maneira geral, as pessoas estão conscientes desses desafios e seu objetivo é vencê-los. Dos entrevistados no relatório da IDC, 61,5% continuam investindo em monitoramento e métricas de processos, o que é mais do que em qualquer outra área de investimento. As pessoas sabem que, para melhorar os processos, é preciso um entendimento profundo de como eles funcionam e que essa compreensão vem de uma colaboração aprimorada e de diversas fontes de informação.

Qualquer organização que priorize a integração de diferentes fontes de dados para analisar processos está oferecendo a si mesma boas chances de sucesso. Entretanto, monitorar a integridade e o desempenho de processos de negócios não é suficiente. As organizações precisam ter uma visão mais abrangente de seus processos, além de serem capazes de revisar o desempenho deles e tomar medidas para mudá-los quando necessário. Entretanto, de acordo com o white paper da IDC, somente 29,8% fazem benchmark da integridade e do desempenho de seus processos em comparação com as melhores práticas do setor.

Felizmente, está surgindo uma nova abordagem – a observabilidade de processos – que permite que as organizações executem transformações complexas de negócios e de tecnologia de maneira mais rápida e em grande escala. Um processo é observável se podemos entender como ele funciona e quais são seus resultados, além de saber como ações para o aprimoramento desses resultados poderiam ser executadas.

Alcançar a observabilidade dos processos de negócios requer cinco elementos principais: integridade e qualidade dos dados, acesso aos dados por todos os stakeholders relevantes, métricas corretas e a capacidade de colocá-las no contexto certo. Não é simples, mas, com isso, os stakeholders poderão analisar os problemas com mais agilidade, priorizá-los e agir em relação a eles, além de promover a inovação em todo o negócio.

Para saber mais sobre a observabilidade do processo e como ela pode ajudar a enfrentar alguns dos maiores desafios das organizações, faça o download do white paper da IDC “Observabilidade dos processos de negócio: uma abordagem colaborativa à capacitação da transformação".

Published on: January 15th 2024 - Last modified: January 15th, 2024